Adicione mais imóveis a comparar!
Clique para Ir a Página de Comparação de imóveis

Imóvel Adicionado com Sucesso!
Clique para Ir até os Favoritos

O Código do Imóvel buscado não foi encontrado!
Tente Novamente

por Sandra Arias

O sonho de muitos brasileiros é ter sua casa própria, mas a compra de imóveis é algo que exige cuidado, principalmente em momentos de instabilidade econômica. A crise, entretanto, pode não ser exatamente um problema, mas sim, uma grande oportunidade para quem deseja investir em uma unidade habitacional.

Quando o cenário econômico encontra-se instável, é comum que as pessoas deixem de investir em algumas áreas. Isso acontece porque muitos preferem priorizar necessidades e negócios mais básicos. Essa situação, somada com a redução real da demanda por imóveis (visto que a população está preferindo o aluguel pelo fato de estar menos capitalizada), faz com que os valores das unidades habitacionais se ajustem, deixando a compra mais atrativa. O momento para se adquirir imóveis é bom, mas é importante que o consumidor escolha o imóvel mais adequado para a sua necessidade e  tenha condições reais para lidar com o financiamento, a decisão tem que ser analisada cuidadosamente.

Veja a seguir algumas das vantagens de investir em imóveis durante uma época crítica:

Tenha menores custos

A crise está fazendo com que os preços fiquem congelados, tornando o momento perfeito para que os consumidores consigam comprar imóveis a preços que não são vistos quando a economia está estável. Ou seja, é um ótimo cenário para finalmente usar aquele dinheiro que ficou guardado por tanto tempo e adquirir a tão sonhada casa!

Encontre mais descontos

Além dos preços menores, há muitas ofertas com bons descontos, principalmente para as entradas maiores, também conhecidas como "entradas premiadas". As construtoras estão de portas abertas para negociar, principalmente o imóveis em estoque, para isso, hoje encontramos incentivos como: isenção de taxas, lançamento de campanhas promocionais com descontos variados, condições especiais para imóveis na planta, etc. O melhor é aproveitar as condições favoráveis, em vez de esperar o tempo passar, lembre que o mercado é cíclico, sendo assim, a tendência é que os preços voltem a subir, assim que, o mercado retomar o crescimento.

Depare-se com mais opções nos estoques

O aumento nos estoques fez com exista unidades para todos os bolsos, em regiões diferentes e com tamanhos variados. É possível encontrar desde apartamentos econômicos até imóveis de luxo, a crise criou um cenário propicio para o consumidor que deseja maior flexibilidade para negociar condições e valores.

Alcance facilidade nos financiamentos

Visando aquecer o setor imobiliário, e uma das medidas é facilitar as formas de financiamento, reduzindo toda a papelada e burocracia. Há também como financiar diretamente com a empresa, fazer a troca em situações de falta de crédito. Além disso, durante a crise os bancos também disputam o mercado aquecido, e ainda concedem certas facilidades. A hora é agora, até porque os preços dos imóveis não vão diminuir mais.

É provável que o mercado imobiliário retorne para a trajetória de crescimento no segundo semestre de 2016. A necessidade dos brasileiros de comprar um imóvel é real, e com a economia se estabilizando novamente, os preços também vão voltar ao que eram antes. O importante é não perder tempo e aproveitar os baixos custos e as facilidades nos financiamentos para obter o tão desejado imóvel agora!

E você? Já comprou ou pretende adquirir um imóvel? Entre em contato e garanta o melhor negócio.

16 agosto 2016, Postado por Livia Cangussu em Financiamento Imobiliário

SIGA-NOS NO INSTAGRAM